D. António pede aos sacerdotes atenção às questões sociais


D. António Carrilho pediu ontem aos sacerdotes «uma atenção particular à presente conjuntura económica e social, na descoberta das carências, necessidades e problemas do povo que vos está confiado». 
O Bispo do Funchal falava na homilia da Missa Crismal, a que presidiu na Catedral, concelebrada pelos padres da Diocese, e onde foram «renovadas as promessas do sacerdócio» e benzidos os «santos óleos». «Como disse o ano passado, falando para vós, sacerdotes, procuremos intensificar os nossos esforços para um maior apoio tanto material como espiritual àqueles que nestes tempos difíceis mais precisam da nossa ajuda e em cooperação com outras instituições de solidariedade», disse. D. António afirmou ainda que «o sacerdote é um homem de fé, profeta da esperança e da alegria». A «sua vocação leva-o a ser ele próprio “Boa Nova’”, junto de cada irmão e irmã». Pelo que importa «escutar o Espírito de Deus que suscita em nós o desejo sincero de renovação da nossa vida de fé e uma maior atenção à realidade humana e social do tempo presente». Nesta celebração lembrou, também, os Papas Bento XVI e Francisco. 
E em relação ao novo Papa considerou que «os seus gestos de proximidade, ternura e simplicidade, e os desafios que nos tem lançado», são sinal de «uma grande esperança quanto à renovação da Igreja e à construção de uma sociedade mais justa e fraterna.» As suas atitudes «interpelam-nos, tomando como referência a misericórdia de Deus». 
 O Bispo do Funchal agradeceu a «comunhão e expressão eclesial» manifestadas pela presença dos sacerdotes naquela Missa de Quinta-feira Santa, dedicada ao sacerdócio; e pediu orações pelo «Seminário e pelas vocações de especial consagração.» Um dos pontos altos da Missa Crismal foi a bênção dos óleos dos catecúmenos e dos enfermos; e da consagração do óleo do Crisma. Óleos que foram depois levados pelos párocos para as suas comunidades, onde serão utilizados na celebração dos sacramentos do Baptismo, Crisma, Ordem (ordenações de padres e bispos) e Unção dos Doentes.
Enviar um comentário
VIDEO DE PORTO SANTO